A importância da avaliação de desempenho

Estamos no último mês do ano, e com essa época geralmente chegam as tão esperadas avaliações de desempenho dos colaboradores nas empresas. Nesse ano de pandemia, muitas empresas cogitaram suspender suas avaliações de desempenho, com o pensamento de que não adiantaria falar sobre metas alcançadas se não seria possível conceder os devidos bônus aos seus funcionários, por conta da crise financeira global do momento.

Uma pesquisa do Grupo Talenses foi realizada sobre Avaliações e Feedbacks Formais na Pandemia, respondida por 142 profissionais de RH. Entre eles, 27% revelaram terem suspendido as avaliações formais nesse período. Dos que mantiveram, 55% optaram pelo formato on-line, 9% optaram por um formato de reunião breve e 15% reduziram o número de pessoas envolvidas no processo.

Porém não é somente o ponto de analisar as metas alcançadas e conversar sobre as bonificações. Muito pelo contrário, o principal foco de uma avaliação de desempenho é que, tanto o liderado quanto o líder, consigam expor suas opiniões sobre o ano que passou. Isso é, comentando sobre pontos positivos e negativos, analisando os erros cometidos e identificando pontos de melhorias para o próximo ano.

Trouxemos abaixo algumas dicas para gestores e liderados sobre como ter uma avaliação de desempenho proveitosa e efetiva:

Dicas para o liderado:

  • Vá atrás do feedback e esteja disposto a ouvir! Mesmo que sua empresa não tenha um processo formal de avaliação de desempenho periódica, converse com seu gestor e seus colegas e procurem criar o hábito de ter esse momento de conversa, ao menos uma vez por ano. Além disso, vá para essa conversa totalmente disposto a ouvir o que a outra pessoa tem a dizer, e refletir sobre o que for dito. Buscar se relacionar com as pessoas ao seu redor e receber conselhos e orientações profissionais é uma das grandes vantagens de se trabalhar em equipe.
  • Ao se preparar para uma avaliação de desempenho, faça uma autoavaliação. Pare e reflita sobre quais foram suas entregas deste ano, o que você desenvolveu, como contribuiu para e equipe, quantos projetos conseguiu realizar. Mas também olhe para suas falhas e identifique os pontos onde você vê que poderia ter feito melhor, a fim de se dedicar para fazer diferente no próximo ano. Antes disso, avalie também a empresa que você está trabalhando, sua equipe e até mesmo seu gestor. Pense nos pontos positivos e negativos e em como isso impacta no dia a dia de todos.

Durante a avaliação de desempenho, seja o mais sincero possível, tanto sobre pontos positivos quanto negativos

  • Durante o feedback, aproveite para reavaliar seus objetivos e metas para os próximos anos. Exponha isso para seu gestor e juntamente com ele, pensem em quais os caminhos e as ações necessárias para que você chegue onde deseja. 
  • Por fim, após a realização da avaliação de desempenho, anote tudo o que foi falado, reflita sobre os pontos onde você precisa melhorar, e trace um plano estratégico para isso. Pense em quais ações práticas você deve tomar para aperfeiçoar suas habilidades e entregas no próximo ano, e em como você pode agregar à sua empresa e ao seu time, trazendo novas iniciativas, trabalhando em colaboração, investindo em relacionamento interpessoal, etc.

Dicas aos gestores:

  • Antes de tudo, estruture o que vai dizer. Pense em todos os pontos importantes por quais deseja passar, e crie uma ordem para isso, não deixando escapar algo relevante para essa conversa. Uma dica é utilizar o método conhecido como “sanduíche”. Primeiramente você comenta sobre pontos positivos daquele colaborador que estiver avaliando. Depois, pontua alguns pontos onde enxerga e necessidade de uma melhoria, orientando como isso pode ser feito. E por último, volte com mais alguns elogios e comentários positivos, encerrando a conversa de uma forma motivacional e incentivadora.
  • É muito importante que você, gestor, seja justo na avaliação do seu liderado. Pare um momento e lembre quais foram as responsabilidades atribuídas ao cargo e função desse colaborador, e quais dessas foram entregues pelo mesmo. Não o cobre por algo que não foi acordado. Seja imparcial e racional na avaliação, não deixando que o seu nível de intimidade com algum colaborador acabe influenciando na avaliação. Isso ajudará com que o feedback seja o mais real possível.
  • Quando for comentar dos pontos positivos e negativos do ano que passou, tente ao máximo citar exemplos reais de situações que aconteceram. Isso irá ajudar tanto você a expor seus pensamentos, quanto o colaborador a entender seus pontos de forma mais palpável.

Demonstre preocupação também com a vida pessoal dos colaboradores durante a avaliação

  • Pense nesse momento como mais do que apenas uma avaliação profissional, mas também como uma conversa de orientação, uma mentoria. Sendo assim, ouça o seu colaborador. Entenda o momento pessoal que ele está vivendo, principalmente hoje em meio à essa pandemia que estamos vivendo. Conhecer os colaboradores da sua equipe faz toda a diferença e ajuda a criar uma relação de mais empatia, confiança e parceria entre o time todo. Busque saber também qual o plano de carreira de cada um. Quais são os sonhos de seus colegas de trabalho, e como você e/ou a empresa podem contribuir para ajudá-lo a alcançar seus objetivos.
  • Não tenha medo de ter conversas difíceis. Todos desejam se desenvolver, e parte do desenvolvimento pessoal e profissional é passar por situações que te estimulem a buscar soluções para problemas e melhorias. Uma pessoa que só recebe elogios nunca saberá quais os pontos em que ela precisa focar e se desenvolver mais. Um bom líder não é o que só elogia ou anima a equipe, claro que isso também é muito importante, mas também aquele que, com uma visão crítica, os ajuda a evoluir e colabora para o crescimento da equipe, do departamento e da empresa como um todo.

Essas foram algumas dicas de como planejar e realizar uma boa avaliação de desempenho entre colaboradores e seus gestores. Leia mais sobre gestão de pessoas em nosso blogpost sobre “A importância de um RH estratégico”.

Veja mais conteúdos: