A transformação digital nas empresas vai além da tecnologia

Há anos a transformação digital é uma necessidade para as empresas em todo o mundo. Porém, muitas ainda se mostravam um pouco resistentes à tantas mudanças alguns meses atrás.

Contudo, com o cenário que estamos vivendo hoje devido à pandemia do Covid19, muitas barreiras existentes com relação ao mundo digital tiveram que ser quebradas.

Será que as empresas estão realmente preparadas para mergulhar de cabeça nesse mundo digital?

Uma pesquisa feita recentemente pelo Grupo Cia de Talentos mostra que ainda não. Foram entrevistados 123 mil profissionais em empresas brasileiras. O resultado foi que apenas 35% dos jovens talentos, 28% dos profissionais da média gestão e 36% da liderança afirmam que já trabalham em empresas com uma cultura voltada ao mundo digital.

Seja como for, diante do estado econômico e do crescimento acelerado da tecnologia, é necessário ter os colaboradores engajados e preparados para continuar produzindo e inovando com os desafios que estão surgindo.

Essa transformação demanda investimentos em novas tecnologias, automatização de processos e soluções inovadoras para diversos setores, como no setor industrial, logístico, varejo, saúde, agroindustrial e vários outros. Por outro lado, levando em conta o resultado da pesquisa mencionada acima, o mais importante é focar principalmente em uma MATURIDADE DIGITAL.

Transformação digital é muito mais do que apenas a parte tecnológica das operações.

Mais do que investir em novas soluções, as empresas precisam estar dispostas a investir no desenvolvimento de seus colaboradores. Um dos pilares que contribui para a maturidade digital é conhecido pelo termo Lifelong Learning.

Esse conceito traz a ideia de que a educação é um processo contínuo, e que a aquisição de habilidades e conhecimentos ocorrem continuamente ao longo da vida.

Em outras palavras, estimular os colaboradores a estarem sempre se desenvolvendo, e mostrar para as empresas a importância de valorizar o desenvolvimento de seus funcionários é um grande passo para a transformação digital.

Uma forma de investir nesse novo conceito de aprendizagem contínua é apostar na técnica de capacitação conhecida como Microlearning.

Esta consiste em entregar pílulas de aprendizado de forma rápida e simples, ao contrário das técnicas de aprendizado tradicionais que envolvem cursos de longas horas. Ela otimiza conteúdos importantes, transmitindo de forma ágil e dinâmica, afim de que o estudante possa colocar os aprendizados em prática rapidamente.

Tudo o que envolve a maturidade digital só será possível se a empresa como um todo lutar para construir uma “cultura digital”. É importante que a liderança da companhia esteja com a mesma visão, pensando estrategicamente e incentivando suas equipes.

O que impulsiona a inovação e a transformação em uma empresa não são suas ferramentas tecnológicas, mas sim a estratégia pensada por trás das mesmas.

Veja mais conteúdos: